Vinícolas

Abbazia Santa Anastacia

Abbazia Santa Anastacia

Esta antiga abadia, fundada por volta de 1100, teve suas atividades retomadas somente nos anos 80, quando o Eng. Francesco Legna decidiu dela fazer uma vinícola modelo. Desde 2006 realiza novas experiências e passou a elaborar alguns de seus produtos através da biodinâmica.
Allegrini

Allegrini

É o grande nome da região, uma das cinco vinícolas de maior prestígio da Itália. Fundada no século XVI, sempre dirigida pela família. Tem hoje a Marilise na área comercial e o Franco como enólogo. Possuem 100 hectares de terras e exportam para 60 países. É a vinícola mais premiada do Veneto. Tem 22 vinhos com mais de 90 pontos do Robert Parker, 24 do Wine Spectator e 23 très bicchieri do Gambero Rosso .
André Kientzler

André Kientzler

Andre Kientzler é um dos mais destacados domaines locais. São 13 hectares, dirigidos com rigor   pela mesma família há cinco gerações. A chegada de seu filho Thierry só reforça este compromisso. “O Riesling é o rei da adega e Andre Kientzler é o rei do Riesling” La Revue du Vin de France 2008.
Anwilka Cellar

Anwilka Cellar

Joint Venture entre três grandes estrelas do mundo do vinho: Bruno Prats, ex-proprietário do Cos d´Estournel, Hubert de Bouard de Laforest, do Château Ângelus e Lowel Joostte do Klein Constantia. Reuniram-se para fazer um grande vinho em Heldelberg, na melhor área para tintos da África do Sul.

Bernard Magrez

Bernard Magrez

Proprietário do maior número de vinícolas no mundo, Magrez se especializou em adquirir vinhedos de bom potencial e realizar os investimentos necessários para a produção de vinhos de qualidade. É o caso de Kahina, na região de Méknes, a 200 km de Casablanca, onde se produz os mais conceituados vinhos marroquinos. Em Kahina são somente oito hectares entre Grenache e Shiraz. Numa moderna vinícola, os vinhos são todos elaborados por gravidade, fermentam e descansam em barris de carvalho francês novos.

Bernard Magrez | Japão

Bernard Magrez | Japão

Proprietário do maior número de vinícolas no mundo, Magrez se especializou em adquirir vinhedos de bom potencial e realizar os investimentos necessários para a produção de vinhos de qualidade. É o caso de Kahina, na região de Méknes, a 200 km de Casablanca, onde se produz os mais conceituados vinhos marroquinos. Em Kahina são somente oito hectares entre Grenache e Shiraz. Numa moderna vinícola, os vinhos são todos elaborados por gravidade, fermentam e descansam em barris de carvalho francês novos.

Berthaut

Berthaut

Os irmãos Vincent e Denis Berthaut assumiram em 1975 a direção deste domaine, que está por seis gerações na mesma família, e exploram seus 13 hectares de vinhas localizados em Fixin. Trabalham os Gevrey Chambertin com a família Mercier do Domaine des Chézeaux, Dividem também com eles o Caveau de Napoléon, uma loja próxima ao seu domaine, que comercializa diversos vinhos de Fixin.

Bodega Riglos

Bodega Riglos

Originários da Finca las Divas em Tupungato, os vinhos da Bodega Riglos, projeto do mega empresário argentino e enófilo Dario Werthein, se destacam por serem elaborados com a assessoria enológica do californiano Paul Hobbs. O Gran Corte 2006 foi considerado um dos melhores vinhos da América Latina pelo especialista Jorge Lucki.

Bodega Tapiz

Bodega Tapiz

Uma das mais modernas bodegas argentinas, aplicando as mais avançadas tecnologias no cultivo e elaboração de seus vinhos. A Tapiz tem suas terras localizadas ao longo da Cordilheira dos Andes, no Valle de Uco e em Luján de Cuyo.

Bottega

Bottega

Nascida em 1920, a Vinícola Bottega tem histórias de três gerações lidando com vinho, grappa e licores. Está localizada ao norte de Veneza (45Km), em meio a uma área plantada com as varietais: Cabernet Sauvignon, Chardonnay, Refosco, Picolit, Prosecco etc. É dirigida pessoalmente por Sandro Bottega.

Bouchard Père et Fils

Bouchard Père et Fils

Com mais de 50 hectares plantados em 23 diferentes appellations e mais de 100 anos de sucesso, a Maison Bouchard é, depois de muitas gerações, a maior proprietária de Premiers Crus de Beaune. Favorecida pela maior capacidade de investimento, tem como característica trabalhar cada parcela de terra de forma individualizada, como um conjunto de pequenos viticultores. Com isto, seus vinhos conseguem traduzir e ressaltar a personalidade de cada uma delas.

Castelgiocondo

Castelgiocondo

Propriedade de Frescobaldi desde 1989, este castelo foi edificado em 1100 para proteção e defesa do caminho que levava do porto de Talamone a Siena. Um dos primeiros produtores de Brunello di Montalcino nos idos de 1800, foi o primeiro a introduzir a Merlot na região, em 1976.

Menu

Grand Cru Brasília

limpo

LAGO SUL
Loja e Wine Bar

+55 61 3368 6868
SHIS QI 09/11- conjunto L . loja 06 - Lago Sul
(ao lado do Citibank)

 

limpo

ASA SUL
Loja

+55 61 3541 6991
SHCS-CL 412 Sul - Bloco B loja 3 - Asa Sul, Brasília – DF
(na rua do Big Box)

  

© Copyright 2011 Grand Cru Brasília. Todos direitos reservados.

logo-agiste-b

logo rodape